Cidades da região de Sorocaba podem regredir de Fase do Plano SP

Igor Juan

15 de junho de 2021
Atualização:15 jun 2021 às 10:46

O Governo de São Paulo enviou uma recomendação, na noite desta segunda-feira (14), que algumas cidades da Região Metropolitana de Sorocaba com taxa de ocupação de leitos acima de 90%,adotem medidas mais restritivas para controlar a pandemiaregredindo em alguns pontos do Plano SP.

As cidades citadas pelo Centro de Contingência contra a Covid-19 são: Itatiba, Itupeva, Várzea Paulista, Itu, Piedade, Porto Feliz, Salto e Votorantim. Vale lembrar que desde o começo da Fase de Transição, em abril, o Governo de São Paulo deu autonomia para que os 645 municípios estaduais endurecessem ou afrouxassem as medidas de combate à pandemia conforme a necessidade de cada cidade.

Aliás, essa medida vale inclusive para que a situação da pandemia nessas cidades não acabe comprometendo a média de casos e internações de toda a Região de Sorocaba, fazendo com que todos os municípios acabem indo para a Fase Vermelha ou Emergencial, a maioria injustamente, por controlarem a situação de forma melhor que as cidades citadas.

Apesar do alerta, várias cidades citadas acima informaram que não irão aceitar a recomendação, por entenderem que tem condições de controlar esse aumento sem a necessidade de regressão de Fase no Plano SP.

Vale lembrar sempre que a análise do Governo sobre a situação pandêmica é feita por regiões, e se dentro dela há cidades com aumento no número de casos, internações e óbitos, e mesmo que hajam municípios com situação controlada, o Estado pode regredir a Região de Fase, com o contrário também valendo.