PSL coloca Datena como presidente para bater Lula a Bolsonaro em 2022

Igor Juan

8 de setembro de 2021
Atualização:08 set 2021 às 13:47

O jornalista José Luiz Datena será candidato ao cargo de Presidente do Brasil em 2022, pelo PSL ex-partido do atual presidente – Jair Bolsonaro.

Datena decidiu se filiar ao partido em junho e após sua filiação deu-se inicio a muitos questionamentos. O PSL que planejava apoiar a  candidatura de reeleição de Bolsonaro, agora já se mostra contrario a situação e se mantem otimista com Datena que abertamente pela TV Band, onde apresenta o telejornal – Brasil Urgente, fala sobre a disputa eleitoral de 2022.

O PSL mudou de ideia em apoiar a reeleição de Bolsonaro após o resultado de uma pesquisa eleitoral que foi divulgada, no dia 03 de setembro, apontando que Datena teria chances e números de alcançar o segundo turno, se tanto Bolsonaro quanto Lula desistissem de disputar as Eleições.

Tanto no cenário sem Lula, quanto no cenário sem Bolsonaro, Datena lidera as intenções de voto, entre 20% a 30%, alcançando assim o segundo turno do pleito eleitoral.

Datena só perderia para Lula no segundo turno

Em agosto, uma pesquisa eleitoral inclusive apontou chances reais de Datena ser Presidente do Brasil. Nas simulações de segundo turno, o candidato do PSL só perderia para Lula, e teria muitas chances de derrotar Bolsonaro.

Segundo o PoderData, Datena empataria com 34% dos votos contra Bolsonaro, e perderia por 51% a 25% contra Lula. Inclusive, entre os candidatos de direita e centro-esquerda, o jornalista da Band é considerado a melhor ”terceira via” para o cargo.