Veja como contribuir para o INSS por conta própria

Igor Juan

31 de janeiro de 2021
Atualização:31 jan 2021 às 15:41

Os interessados que desejarem contribuir com o INSS, a partir de 2021, deverão prestar atenção à algumas mudanças no imposto, provocadas pelo aumento do salário mínimo para R$ 1,1 mil reais. A partir deste ano, os contribuintes terão que pagar R$ 55, R$ 121 ou R$ 220 por mês, dependendo do valor do salário recebido.

Essas alterações valem para autônomos, microempreendedores e donas de casa, que desejam antecipar o valor da aposentadoria. Os valores são aplicados conforme as alíquotas de contribuição: 5%, 11% ou 20% sobre o salário de contribuição. Quem contribui pelo salário mínimo, a maioria dos segurados individuais, paga o percentual sobre R$ 1,1 mil.

O novo salário mínio será aprovado em breve pelo Presidente Bolsonaro, e os que desejarem contribuir com o INSS poderão receber os benefícios a partir de fevereiro.